O presente de Natal

Sei,
Que voltas e voltas eu dei
E que nem sei onde cheguei
Em busca do presente, que no dia de Natal lhe presentearei

No shopping eu andei
Em todas as lojas busquei
Mas nada encontrei
Que seja digno de um Rei

Cansada e exausta, na praça de alimentação me sentei
E sem saber o que fazer, um lápis da bolsa saquei
E meio ao lanche, num guardanapo palavras rabisquei

Formoso o poema não ficou, eu sei
Mas foi isso que ora ofertarei
À aqueles que amo e no Natal não verei.

Sobre Drika Yar

A autora nasceu na cidade do Rio de Janeiro, em 1971. Curiosa e questionadora, sempre buscou formas diferentes de olhar para as coisas a sua volta, talvez, daí tenha surgido o interesse pela área de exatas. Seu gosto pela leitura e, posteriormente, pela escrita aflorou ainda na adolescência em meio sua fascinação por ficção científica, bem como, pelos contos e lendas das Eras Antiga e Medieval.
Esse post foi publicado em Crônica. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s